Login
Registar
  • por
  • spa
  • eng
  • br

Gama de pás carregadoras Cat® lançada há 50 anos


Em Dezembro de 1959, a primeira carregadora de rodas Cat foi conduzida para fora da linha de montagem na fábrica da Caterpillar em Aurora, Illinois - a Cat® 944.
A 944, equipada com um balde de 1,5 m³ e disponível com um motor de 105 cv (78 kW) a gasolina ou diesel, foi o culminar de um esforço de desenvolvimento de sete anos e o início da liderança da Caterpillar no mercado mundial em carregadoras de rodas de tamanho médio. O domínio de 50 anos da Caterpillar neste segmento de mercado tem-se baseado, simplesmente, no reconhecimento por parte dos clientes do valor inerente das Carregadoras de Rodas Cat® - a sua fundamental fiabilidade e durabilidade, juntamente com as peças excepcionalmente forte e a assistência técnica.
À 944 juntaram-se em 1960 dois modelos adicionais, o modelo 922 de 80 cv (60 kW) de potência e o modelo 966 de 140 cv (104 kW), utilizando baldes de 0,92 e 2,1 m³, respectivamente. Um comunicado de imprensa de 1960 da Caterpillar afirmava que "estas máquinas são operadas por controlos convenientemente localizados, tem duas velocidades para frente/trás, transmissão powershift e atingem uma velocidade máxima de 45 km/h."
O comunicado também citava W.S. Zeigler, gerente de vendas no mercado interno (E.U.A.), que resumiu o objectivo da Caterpillar para o desenvolvimento da nova linha de carregadoras de rodas: "Estas novas máquinas permitirão aos operadores realizar o seu trabalho de forma rápida e correcta, e dá-lhes umas condições de trabalho mais seguras."
O tempo muda quase tudo, mas as qualidades básicas que Zeigler referiu sobre as primeiras carregadoras de rodas Cat têm permanecido constantes ao longo de 50 anos de contínuo melhoramento e através da colocação de mais de 100.000 carregadoras de rodas Cat nas mãos dos clientes.
Embora a gama de Carregadoras de rodas Cat esteja hoje entre a 904B de 55 cv (41 kW) e a 994F de 1.577 cv (1.176 kW), os oito modelos da linha média de carregadoras de rodas - 938H, IT38H, 950H, 962H, IT62H, 966H, 972H e 980H - continuam a ser a base da linha e servem o maior segmento de mercado. Estes modelos oferecem baldes padrão de 2,3 a 6,1 m³, podem ser equipadas com uma diversidade de ferramentas de trabalho e assumem as tarefas mais difíceis em aplicações tão variadas como a manipulação de materiais, depósitos de sucata, pedreiras e silvicultura.
Cinco décadas de melhoramento

Desenvolver novos produtos na década de 50 foi um processo longo e trabalhoso, necessitando de muitos modelos de protótipos e milhares de horas de ensaios no terreno. Hoje, naturalmente, o poder do design assistido por computador permite testar protótipos virtuais, e os engenheiros de hoje podem realizar mais horas de avaliação do que em 1950 poderiam os seus homólogos nos meses de testes de campo.
Mas a filosofia básica do processo de desenvolvimento de produto da Caterpillar não mudou, ao projectar a 944, os engenheiros perguntaram aos clientes que características queriam eles nas carregadoras de rodas Caterpillar - e os engenheiros da Cat ainda fazem essa pergunta actualmente. Os engenheiros da 944 aprenderam, por exemplo, que os utilizadores de carregadoras de rodas queriam braços de carregadora e cilindros hidráulicos posicionados à frente do compartimento do operador.
Os braços de levantamento montados frontalmente foram incluídos no design da 944 e tornaram-se num exclusivo da Caterpillar. Ao longo das décadas, a concepção das carregadoras médias Cat tem reflectido as opiniões dos clientes e a melhor tecnologia para produção eficiente, durável e segura das máquinas que operam a baixo custo.

O motor diesel com câmara de pré-combustão da 944, por exemplo, deu lugar no início dos anos 80 a motores mais eficientes de injecção directa, seguidos por motores controlados electronicamente, e finalmente pelos motores diesel Cat ACERT que oferecem uma combinação de eficiência de combustível, controlo de emissões e densidade de potência que os engenheiros da década de 50 teriam achado impossíveis.

Da mesma forma, os primeiros sistemas hidráulicos das carregadoras, que utilizavam bombas de engrenagens e controlos mecânicos, foram aperfeiçoados nos extraordinariamente eficientes sistemas load-sensing que usam bombas de deslocamento variável e válvulas compensadas por pressão concebidos pela Caterpillar para reduzir o desperdício de potência e economizar combustível. Na cabina, as alavancas de comando hidráulico de longo alcance deram lugar a controlos piloto de baixo esforço, e depois a intuitivos joysticks electro-hidráulicos que fornecem as máquinas Cat com a resposta hidráulica precisa em todas as situações de operação.
A lista continua: A Caterpillar foi um dos pioneiros da direcção articulada, usando um design com articulação central que melhorou muito a manobrabilidade - e o Command Steering Control que hoje é opcional e que permite uma articulação lock-to-lock através de apenas ± 70 graus de giro da roda. Os travões de tambor da 944 deram lugar aos mais eficientes travões de disco, depois a travões multidisco internos na Cat Four-Piece Axle, que é um componente exclusivo em cada Carregadora de Rodas Média.
As transmissões powershift, antes controladas por ligação mecânica, são agora controladas electronicamente e equipam com Variable Shift Control para fazer coincidir os padrões das mudanças com a aplicação. As ventoinhas de refrigeração accionadas por correias deram lugar a ventoinhas à escolha poupadoras de combustível; as ligações da carregadora têm sido reforçadas e simplificadas, e as apertadas estações do operador das primeiras carregadoras são agora o máximo em conforto do operador, comodidade e segurança.
E em comparação com a 944, as actuais carregadoras de rodas médias da Cat realmente pensam por si mesmas. O exclusivo Sistema de Monitorização Cat verifica continuamente a saúde da máquina; o Product Link, um sistema baseado em satélite, dispõe de dois modos de troca de informações entre os sistemas a bordo da máquina e o Centro de Operações Caterpillar; e o Sistema de Gestão de Equipamentos coloca os dados do Product Link no monitor do computador do proprietário, permitindo uma gestão eficaz de utilização das máquinas, decisões de manutenção/reparação e riscos de segurança.
As palavras de W.S. Zeigler ainda são verdadeiras para as carregadoras de rodas Cat; estas máquinas ainda "permitem aos operadores executar o seu trabalho de forma rápida e correcta, proporcionando condições de trabalho mais seguras." As máquinas de hoje também oferecem a fiabilidade e durabilidade essencial que tem sido a marca das carregadoras Cat, desde o início - e as máquinas de hoje, com base no melhoramento persistente das suas antecessoras, continuam a adicionar ainda maior valor para o operador, o proprietário - e o ambiente.
Publicado em: 13 JAN 2010
GalleryGallery