Login
Register
  • por
  • spa
  • eng
  • br

Novas retroescavadoras Caterpillar


A Caterpillar acrescentou um novo modelo à popular linha de retroescavadoras da série E em resposta à procura dos clientes do mercado da Europa Central e de Leste. A Caterpillar, que celebra este ano o 25º aniversário da produção de retroescavadoras, incorporou novos melhoramentos em toda a gama da série E com o objectivo de aumentar a produtividade e o rendimento no local de trabalho.
434E Mechanical
A retroescavadora 434E Mechanical junta-se à retroescavadora 434 Pilot Control. Como o seu nome sugere, a retroescavadora 434E Mechanical também conta com tracção e transmissão em todas as rodas, assim como controlo servo, características que fazem dela uma máquina com grande capacidade de produção; mas além disso, conta com alavancas mecânicas para o balde retro e a pá frontal.
Habitualmente, conforme corresponde à sua posição privilegiada, as máquinas com direcção total 434E e 444E apenas estavam disponíveis com o sistema de controlo piloto electro-hidráulico, sistema que oferece ao operador os maiores níveis de comodidade e produtividade numa retroescavadora.
Não obstante, os clientes da Europa Central e de Leste em particular preferem a simplicidade dos controlos hidráulicos mecânicos, apesar de valorizarem de forma positiva as possibilidades que oferece o chassis com direcção total para aplicações em terreno fora de estrada. Na actualidade, os clientes Caterpillar podem escolher entre um sistema universal, com padrão de alavancas em X ou SAE, ou o padrão de movimento ISO plus dos controlos da retroescavadora, dependendo da preferência do operador. A retroescavadora 434E Mechanical conta com o motor de grande eficácia C4.4 da Caterpillar, que cumpre os níveis de emissões estabelecidos na Fase IIIA da Directiva europeia 2004/26/CE. Este motor gera uma potência líquida de 70 kW (95 CV) e um binário máximo de 395 Nm. Esta máquina também está disponível com o motor 3054 da Caterpillar, que respeita as regulamentações fase II de emissões de escape para países não pertencentes à UE.
O impulso transmite-se a ambos os eixos através de uma caixa de quatro velocidades sincronizada com servotransmissão com modulação electrónica das embraiagens. A tracção integral é activada através de um interruptor situado na consola dianteira e, de forma automática, quando se pisa o pedal do travão, o que proporciona uma travagem em todas as rodas e, portanto, uma óptima capacidade de paragem que garante um controlo total da máquina. A tracção integral pode activar-se em movimento, com carga e em qualquer velocidade, de maneira que dota o operador da máxima tracção tocando apenas um botão. A retroescavadora 434E Mechanical mantém o sistema de direcção total com os seus três modos de funcionamento: o modo convencional de direcção em duas rodas, direcção em círculo e direcção em paralelo, este último particularmente útil para os trabalhos de nivelamento e preenchimento de valas. Esta máquina é fornecida com cabina com o tecto standard ROPS/FOPS da Caterpillar. Conta com duas portas, janelas de abertura, assento do condutor com suspensão de ar, oito luzes de trabalho, coluna de direcção inclinável e um potente sistema de aquecimento e ventilação, características que permitem que o operador trabalhe com a maior comodidade em todas as condições de trabalho.
Design melhorado

A Caterpillar reviu o design das retroescavadoras em todos os modelos da Série E. O novo balanceiro extensível do balde possui uma secção interior deslizante que melhora a estabilidade da carga lateral e simplifica o estender das mangueiras pela lança. Diversos modelos dispõem de uma pá com força de arranque aumentada; além disso, o balanceiro extensível conta com tacos de desgaste melhorados com um eficaz sistema de ajustamento do perno que reduz o tempo de inactividade da máquina e permite a regulação sem ter que desmontar o balde. Também se dotou as sapatas estabilizadoras de todos os modelos da Série E de tacos de desgaste melhorados, cujo desenho facilita o seu ajustamento, o que simplifica ainda mais as tarefas de manutenção. Os novos modelos da série E dispõem de uma nova cobertura chapada em cor do tecto da cabina que melhora a canalização da água da chuva para a parte frontal da cabina, distanciando-a da janela traseira. A cor clara ajuda a reflectir o calor do sol nos países mais quentes e torna ainda mais cómoda a cabina. Os operadores notarão também que o painel de instrumentos situado à direita do assento foi remodelado e incorpora teclas de fácil leitura para as rotações do motor, a temperatura do óleo e o nível de combustível. Da mesma forma, acrescentou-se um conta-horas a este transparente painel. Esta consola é a primeira que conta com o design corporativo da Caterpillar que se incluirá futuramente noutras máquinas. Também se melhoraram os braços de carga dos modelos 428E, 432E e 442E. A sua nova estrutura facilita o processo de soldadura durante a fabricação e aumenta a duração e longevidade dos seus componentes. A metódica distribuição das mangueiras pelos braços aumenta a visibilidade da área de trabalho e, além disso, os grampos de retenção melhorados do passador de pivot da pá, que têm lubrificação centralizada, encurtam o tempo de paragem nas tarefas regulares de manutenção. O design renovado da pá proporciona maior força de arranque em alguns modelos, como por exemplo o 428E, que agora dispõe de uma pá frontal com uma força de 61 kN, em comparação com os 55 kN anteriores.
25º aniversário
Em 2010, a Caterpillar celebrará o 25º aniversário da produção de retroescavadoras com a apresentação da Edição Especial 434E no stand da empresa na Bauma que se celebrará em Munique. Esta máquina contará com um design especial nas cores e com um número de melhoramentos nas suas características que, sem dúvida, atrairão o interesse dos operadores de máquinas Caterpillar.
Especificações básicas
434E Mechanical
Motor Cat C4.4 pós-refrigerado e turboalimentado
Potência líquida 70 kW (95 CV) @ 2.200 rpm,
74,5 kW (101 CV) opcional
Massa em ordem de trabalho 8.370-10.700 kg
Profundidade de escavação do equipamento retro 4.919 mm balanceiro standard, 5.863 mm balanceiro extensível
Transmissão Servo-transmissão sincronizada com modulação electrónica das embraiagens de quatro velocidades
Velocidade máxima 40 km/h
Caudal de óleo hidráulico 125 litros/min
Capacidade da pá frontal  1,15 m3
Força de arranque do equipamento de carga frontal 56 kN
Força de arranque do balanceiro do balde retro 35 kN
Força de arranque do balde retro 63 kN
Published on: 25 JAN 2010
GalleryGalleryGalleryGallery