Login
Register
  • por
  • spa
  • eng
  • br
A STET – Sociedade Técnica de Equipamentos e Tractores, SA é a representante oficial e exclusiva da Caterpillar em Portugal e Cabo Verde desde 1961.

A sua atividade centra-se na comercialização, aluguer, fornecimento de peças e assistência técnica a clientes com Máquinas, Geradores e Motores Marítimos.

Trata-se de um parceiro reconhecido no fornecimento e apoio aos seus clientes em sectores tão diversos como são: construção, pedreiras, minas, agricultura, floresta, tratamento de lixos e sucata e projetos que envolvam a aplicação de diferentes soluções de fornecimento de energia terrestre e ou marítima.

Com a sede no Prior Velho (à entrada de Lisboa), a sua cobertura comercial é efetuada a nível nacional com o suporte das filiais de Lisboa, Porto, Beja, Açores (S. Miguel) e Cabo Verde (Ilha de Santiago).

A sua missão é ser o parceiro preferencial dos seus clientes. Para isso, a empresa trabalha diariamente para a constante inovação nas soluções disponibilizadas.
No caminho rumo à Excelência e à Satisfação dos nossos Clientes, a STET procura a melhoria contínua dos seus processos. Esta é uma empresa certificada pela APCER e pela DGERT e cumpre, orgulhosamente, com os compromissos assumidos no âmbito da Gestão Sustentável e de Segurança, tão importantes no exercício da sua atividade.

Mais informação

Caterpillar - Demonstração Málaga 2019

No início de fevereiro a Caterpillar celebrou no seu Centro de Demonstrações e Formação de Málaga um encontro com os representantes da imprensa internacional, com a participação de um jornalista do portal comerciomaquinas.com, para apresentar novos equipamentos, tecnologias e serviços em pré-lançamento daquilo que irá ocorrer em abril próximo na Bauma (na Alemanha).
CAT

Todas as inovações da empresa podem agregar-se, como referiu na sua apresentação Corne Timmermans, diretor de Marketing Global da Caterpillar, em três grandes conceitos: ‘Choose’ (a possibilidade de escolher entre uma gama cada vez mais ampla de soluções e máquinas); ‘Connect’ (orientada para uma clara aposta pela conectividade para melhorar a gestão de frotas); e ‘Operate’ (com novas tecnologias que permitem melhorar a eficiência, a produtividade e a sustentabilidade ao operar com estes equipamentos).

No que se refere a Escolha (Choose), Corne Timmermans destacou alguns dos novos produtos que poderão encontrar-se na Bauma, como a nova geração de escavadoras (Next Generation), os bulldozers D6 e D6 XE, as novas miniescavadoras nos intervalos de 1-2 toneladas e 7-10 toneladas, e os novos modelos da série mais ‘económica’ GC da Caterpillar (escavadoras, motoniveladora, carregadora de rodas, bulldozer e cilindros de compactação).

Relativamente à conectividade nas máquinas e na própria obra, Corne Timmermans realçou os mais inovadores desenvolvimentos como a nova app Cat que permite ao seu utilizador “ter todo o poder na palma da sua mão, com acesso à informação das suas máquinas sempre que necessário”; assim como os últimos avanços na plataforma de gestão my.cat.com e nos serviços remotos 'Remote Troubleshoot' (permite aos distribuidores realizar testes de diagnóstico e detetar possíveis problemas) e ‘Remote Flash’ (facilita aos distribuidores carregar de forma remota as versões atuais do software integrado).

Finalmente, o diretor de Marketing Global da Caterpillar sublinhou três elementos em matéria de operacionalidade. Em primeiro lugar, a empresa continua a avançar no fornecimento de soluções autónomas para o sector da mineração. Já existem mais de 180 máquinas a operar com as tecnologias Cat Command, que deslocaram perto de 1.100 milhões de toneladas de material e percorreram cerca de 40.000 quilómetros, tudo isso melhorando os tempos operacionais e sem quaisquer incidentes.

Em segundo lugar, a Caterpillar continua a aplicar novas tecnologias que permitem melhorar notavelmente a eficiência no consumo. As escavadoras Next Generation são um ótimo exemplo, com uma redução no consumo de combustível próxima de 25%.

E no sentido da ‘Eletrificação’, a Caterpillar lançou recentemente equipamentos com transmissão elétrica de alta velocidade, como o bulldozer D6 XE e a carregadora de rodas 988K XE, que garantem significativas poupanças de combustível e uma elevada eficiência em obra. Além disso, anuncia uma nova carregadora compacta elétrica Cat 906 equipada com baterias de iões de lítio.

Rescrevendo as regras

Em seguida Herwig Peschl, diretor de Vendas da região EAME (Europa, África e Médio Oriente) centrava a sua intervenção nas melhorias em produtividade e em eficiência que se podem alcançar na obra incidindo nas máquinas, nas tecnologias utilizadas e nos operadores que manejam estes equipamentos.

Tendo em conta que o consumo de combustível supõe cerca de 30% dos custos de uma obra, os últimos modelos da Caterpillar facilitam aos seus utilizadores e gestores melhorar consideravelmente as suas margens de lucro. Assim, como exemplos significativos, as novas escavadoras 320 GC e 330 consomem até 25% menos que as suas antecessoras e os bulldozers D6 e D6 XE até 20% e 35% menos, respetivamente.

No centro do pensamento funcional da Cat encontram-se SEMPRE os operadores das máquinas. De acordo com os dados apresentados por Herwig Peschl, um operador bem formado e perfeitamente qualificado para o seu trabalho pode utilizar entre 10% e 12% menos combustível diariamente, e ser até 5 ou 6 vezes mais rápido. Além disso, com a sua forma de operar, reduzem notavelmente o desgaste dos componentes, dos motores, dos pneus e das transmissões, entre muitas outras coisas. E tudo isso com um maior nível de segurança em obra.

Mas para as empresas não é fácil reter este talento, pelo que deveriam tomar iniciativas para incentivá-los no seu trabalho: proporcionando-lhes máquinas mais fáceis de usar, desenvolvendo programas de formação contínua e workshops de trabalho, premiando e reconhecendo o seu trabalho e estabelecendo programas de incentivos. Como dizia o diretor de Vendas da Caterpillar, o objetivo final é passar de ter operadores “bons” para operadores “excelentes”.

A Cat está a trabalhar neste âmbito com iniciativas como o Operator Challenge, uma competição de operadores de maquinaria que terá em 2019 uma nova edição, após o sucesso da celebrada no ano passado, que foi ganha pelo alemão Sebastian Behr.

Para finalizar, Herwig Peschl destacou “a liderança da Caterpillar em produtividade”, para tal usou alguns exemplos relacionados com a eficiência das novas máquinas aplicando tecnologias inovadoras como Cat Grade, Grade Assist, Cat Payload, Stable Blade… Desta forma, os novos bulldozers são até 50% mais produtivos, as novas escavadoras 45%, as novas carregadoras de rodas de tamanho médio até 30%, e a nova geração de motoniveladoras até 40%. Tudo isto pode comprovar-se através dos diferentes roadshows que a Caterpillar tem previsto realizar durante os próximos meses por diferentes países.

Ao longo dos dois dias da apresentação, foi possível experimentar diversas máquinas e simuladores em diferentes ambientes de trabalho. O portal comerciomaquinas.com acompanhou este processo e destaca as seguintes máquinas:

Novos equipamentos na gama GC

Após o lançamento em 2014 da sua carregadora de rodas 950 GC e em 2017 da sua escavadora de rastos 320 GC, a Caterpillar continua a expandir a sua gama GC de equipamentos caraterizados por oferecer menores custos operacionais e de propriedade e por integrar menos tecnologia que as versões ‘premium’ ou ‘performance’.

Quanto a 2019, a Cat irá lançar neste segmento as escavadoras de rastos 330 GC e 345 GC, a motoniveladora 140 GC, a carregadora de rodas 966 GC, o bulldozer D6 GC e os cilindros CS 10/11/12 GC.

“As máquinas GC introduzem novos padrões. São económicas, duradouras, fiáveis e simples. Garantem novas oportunidades para otimizar os nossos negócios. É o que nós denominamos ‘The GC Effect’”, afirmou Debbie Mullally, diretora de Comunicação e Marketing para a zona EAME.

Nova geração de escavadoras de 20 a 36 t

A Caterpillar oferece uma completa gama de escavadoras de rastos desde 20 toneladas até 36 toneladas: 320, 320 GC, 323, 330, 330 GC, 336 e 336 GC. Estas escavadoras de nova geração aumentam a eficiência operacional (+45%), reduzem o consumo de combustível (-25%) e os custos de manutenção (-22%), e melhoram a comodidade do operador relativamente aos modelos anteriores. Oferecem combinações exclusivas de caraterísticas desenhadas para se adaptarem à produtividade dos prestadores de serviços e aos objetivos de custo.

Com um excelente rendimento produtivo, estas escavadoras incorporam de série a tecnologia Cat Connect integrada, o que supõe uma produtividade máxima ao menor custo.

De acordo com um estudo apresentado por Julien Roux, diretor regional de Aplicação de produtos para a zona EAME; uma escavadora 320 GC pode alcançar uma poupança superior a 32.000 euros relativamente à 320 F num período de trabalho de cinco anos (5.000 horas). E no caso da 336 GC em comparação com a 336 F, esta poupança para o mesmo período seria de 28.999 euros.

Novas miniescavadoras Caterpillar

A Caterpillar lança cinco novas miniescavadoras hidráulicas Cat de última geração da linha BCP (301.5, 301.6, 301.7 CR, 301.8 e 302 CR), que se desenharam para proporcionar aos clientes o melhor rendimento, versatilidade, segurança, comodidade para o operador e rentabilidade nos pacotes mais pequenos para máquinas de 1 a 2 toneladas. As funções de série mais importantes da indústria incluem a direção com alavancas tipo joystick e um teto ou cabine basculante, além de opções como ar condicionado e trens de rodagem de largura de via extensível.

A gama Cat de miniescavadoras de última geração continua com três novos modelos na categoria de 7 a 10 toneladas. Os novos modelos (308 CR VAB, 309 CR e 310) proporcionam uma seleção de configurações básicas que permitem aos clientes escolher a máquina mais eficiente para as suas aplicações, quer seja a configuração de série, com raio compacto ou com lança de duas peças ajustável.

Nova escavadora de demolição 340 SB

A Caterpillar apresenta a nova escavadora 340 SB, de 40 toneladas, desenhada especificamente para aplicações de demolição, que oferece mais conforto (cabine ‘deluxe’, assento aquecido e uma grande consola tátil) e mais segurança (cabine reforçada ROPS/FOPS, vidros de alta resistência, barras de segurança na cabine e câmaras de visão traseira e lateral). Além disso, esta nova versão permite alcançar poupanças de até 15% nos custos de manutenção e também de 15% em consumo de combustível (novo modo operacional ‘smart’ e novos distribuidores e bombas eletrohidráulicas).

Este modelo pode alcançar alturas de corte de mais de 13 metros e pode permutar uma grande variedade de implementos hidráulicos para fazer trabalhos de demolição primária e secundária, reciclagem e construção. Além disso, graças ao Product Link e ao dispositivo PL 161 de localização e emissão de dados, o utilizador pode gerir da melhor forma possível as operações.

Os novos dumpers articulados

Os três novos dumpers articulados Cat (730, 730 EJ e 735) foram quase completamente redesenhados, melhorando as caraterísticas testadas já em obra e o rendimento dos seus antecessores da Série C (730C2, 730C2 EJ e 735C). Estes modelos contam com inovadoras cabines, novos controlos, uma transmissão mais protegida, um novo sistema de assistência de elevação, um avançado sistema de controlo de tração, um novo sistema de assistência de estabilidade e um modo de operação ECO de poupança de combustível.

Além disso, o design do 730 e do 730 EJ foi melhorado com o controlo automático do retardador e uma função de arranque em encosta. o 735 conserva estas caraterísticas do seu antecessor da série C e incorpora ainda melhoramentos de design significativos que incluem um novo motor Cat C13 Acert, transmissão Cat CX31 (também nos modelos 730 e 730 EJ) e modificações estruturais e dimensionais que reduzem o peso em vazio em 22%, ao mesmo tempo que conserva a produtividade do 735C. Estas caraterísticas combinam-se para obter até mais 19% na eficiência de combustível.

Novos bulldozers D6 e D6 XE

Os novos modelos D6 são um exemplo das numerosas opções de máquinas que a Caterpillar proporciona aos seus clientes. Estes modelos estão disponíveis numa ampla variedade de configurações e tecnologias atualizadas para garantir um nível superior de versatilidade e rendimento: até 12% menos custos de manutenção e até 50% mais produtivos.

O bulldozer D6 XE é o primeiro do mundo com transmissão elétrica de alta velocidade que oferece uma eficiência de combustível até 35% melhor que o modelo anterior, o D6T, além da rápida capacidade de movimentação de terras com potência constante ao solo.

Novos implementos Cat

A Caterpillar está a expandir os seus implementos para escavadoras com os novos martelos silenciados GC (quatro modelos para escavadoras de 13 a 36 toneladas que garantem até 18% menos custos de manutenção e 27% mais eficiência), o Sistema de Rotação/Inclinação TRS23, a Tesoura rotativa de Reciclagem S3050 assim como os Multiprocessadores de Demolição MP332 e MP345.

A Caterpillar também apresenta a ferramenta de controlo Cat Product Link PL161, que realiza um seguimento das horas de funcionamento e a localização dos implementos. Desde mediados de 2019, o PL161 será incluído de série na maioria dos implementos Cat em escavadoras de 11 toneladas.

Luvas e Adaptadores Cat Advansys

Cat Advansys é a próxima geração de ferramentas para carregadoras de rodas e escavadoras, e carateriza-se pela sua fácil desinstalação e instalação sem martelo, uma vida útil mais prolongada da luva e uma melhor penetração para proporcionar uma ótimo eficiência de combustível. Desenvolveu-se uma ampla gama de sete opções de luvas diferentes para escolher a que melhor se adapte a cada aplicação, quer sejam luvas para uma excelente penetração ou pontas altamente resistentes à abrasão.

Peças de substituição Yellowmark

Yellowmark é uma marca da Caterpillar que oferece aos proprietários de equipamentos Cat uma alternativa às peças originais Cat e às peças Cat Reman que junta fiabilidade e comodidade a um custo inferior. A oferta da Yellowmark inclui mais de 6.000 peças de reparação e de substituição, que cobrem o sistema de transmissão, os motores, o sistema hidráulico, as ferramentas de ataque ao solo e o material de rastos para mais de 500 modelos Cat.

Um programa completo de workshops

O evento organizado para a imprensa pela Caterpillar também incluiu vários workshops sobre temas tão variados como os novos motores Cat Fase V (no pavilhão A4 da Bauma, stand 336, expor-se-ão motores industriais que cumprem os padrões de emissões Fase V, incluídos os modelos C2.2, C3.6 e C4.4, assim como a nova unidade de potência industrial do modelo C13B e o modelo C27. Os motores C7.1 e C9.3B expor-se-ão no pavilhão B6); as funções do laboratório S.O.S Fluid Analysis Lab (destinado a analisar os fluídos de uma máquina para detetar avarias e prevenir danos futuros, que poderiam ser muito mais dispendiosos); as vantagens do Driver Safety System (sistema que alerta o operador da máquina perante qualquer sintoma de fadiga ou de distração); e as funcionalidades da Cat app (aplicação para tablets e smartphones que permite ao utilizador ter toda a informação necessária para uma ótima gestão da sua frota de maquinaria).

Programas de ação em que o operador é o centro dos acontecimentos

Ao longo da apresentação foi possível experimentar máquinas, ferramentas e simuladores. As condições de operação eram ideais com técnicos de apoio e especialistas que desvendaram todos os segredos, juntamente com um terreno que se encontrava em excelentes condições de trabalho. O resultado foi uma assimilação bastante aprofundada do que foi apresentado em Málaga, como pré-lançamento da Bauma 2019.

VEJA A FOTO-REPORTAGEM